Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Unfiltered

Unfiltered

24
Mai21

O Equilíbrio Emocional

Catarina Monteiro

Olá a todos, sejam bem-vindos a mais um post aqui no Blog. Hoje irei falar sobre as Emoções e a extrema importância das mesmas para as relações humanas.

            As Emoções são um padrão de reação complexo, transitório, brusco e agudo, através do qual um individuo tenta lidar com um evento ou um assunto pessoalmente significativo. Envolve elementos fisiológicos, cognitivos e comportamentais. É frequente distinguir-se emoções primarias (manifestadas e reconhecidas universalmente entre culturas, como o medo, por exemplo) de emoções secundarias (dependentes de experiência social para a sua construção como os ciúmes, por exemplo).  

            Muitas das pessoas costumam confundir as emoções com sentimentos sendo que as emoções são algo que as outras pessoas conseguem observar em nós enquanto que os sentimentos são uma experiência mental privada, ou seja, só nós é que nos apercebemos deles.

Um dos grandes exemplos dos estudo das emoções é o caso de Gary e Mary Jane Chauncey, um casal que era bastante dedicado à sua filha de 11 anos, Andrea. Certo dia esta família decidiu fazer uma viagem de comboio, porém acabaram por ter um acidente que pôs em risco a vida da filha e dos mesmos. Contudo, o instinto paternal e o amor que sentiam pela filha fez com que o casal fizesse de tudo para lhe salvar a vida, uma vez que esta se encontrava debilitada, numa cadeira de rodas por causa de uma paralisia cerebral.

Após terem conseguido tirar a filha de dentro da carruagem que já se encontrava meio submersa, deixaram-na nas mãos dos salvadores. Depois, a carruagem desapareceu sob as águas, e eles morreram.

Através deste caso podemos ver que às vezes o nosso emocional se sobrepõe ao lado racional porque afinal de contas para o casal a vida da sua filha era mais importante para eles do que a própria sobrevivência pessoal.

Desta forma, podemos concluir que as emoções tem um papel bastante importante na nossa vida. Estas contribuem para criar laços entre as pessoas, condicionam escolhas e decisões e ainda são capazes de alterar o comportamento em certas pessoas pois, muitas das vezes reagimos impulsivamente sem dar-mos grande importância à parte racional, e sim à parte emocional.  

Sobre mim

Pesquisar

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • s o s

    a leitura deste post transformou-me para pior, nao...

  • Anónimo

    Parabéns por esta reta final do secundário! Será u...

  • Anónimo

    É verdade que essa fase da vida nunca mais se repe...

Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Em destaque no SAPO Blogs
pub